Como não se estressar na internet

17 de outubro de 2016
Depois de uma semana bem ruim, eu finalmente voltei! Tenho cerca de trinta post e ideias diferentes para faze-los, mas decide fazer algo diferente. Ao invés de falarmos sobre livros, séries ou entretenimento, hoje eu quero ter uma conversa com vocês sobre comportamento na internet

A internet tem sido um meio de comunicação incrível, que liga pessoas do mundo inteiro e lhes dá a capacidade de compartilhar e viver momentos maravilhosos. E a cada dia a rede nos conecta a mais pessoas, de diferentes culturas, pensamentos e opiniões. E é obvio que hora ou outra, você vai passar raivar com alguém durante a navegação.

Com o anonimato, a distância da realidade e o fato de estar por trás de um computador, gera  em algumas pessoas confiança e liberdade de ser o escroto que eles gostariam de ser na vida real. Afinal, você pode ser quem você quiser nesse mundo maravilhoso sem consequências nem leis, não é mesmo? Não, não estamos em Westworld.

Mas esse post não é pra essas pessoas. de forma alguma. Se alguém quer ser escroto na internet, ele vai continuar sendo, não importa o que a gente diga. Eles estão simplesmente sendo eles mesmo e as vezes, o melhor é aceitar. Esse post é pra você, que não deseja se estressar enquanto navega e não perder seu tempo com isso. Então vamos a umas dicas bem importantes!

Ignore

Sempre rola uma treta por opiniões divergentes, né? Mas vou contar uma coisa pra vocês! Não tem coisa melhor do que ignorar gente que vem atrás de treta. Como eu tô sempre comentando algumas coisas no twitter, sempre acabo ganhando alfinetadas sem lógica alguma e quando ignoro, não passo raiva nenhuma.

Curta o que você gosta

As vezes eu me pergunto como um hater surgi. E por que raios a pessoa perde tanto tempo com algo que odeia? Sério, a melhor coisa da internet é ter uma variedade de entretenimento com os quais você vai se identificar! Então não tem motivos pra perder o seu tempo e passar raiva com um conteúdo que você não gosta!

Block | Ban

Como dizem, se existe uma botão, ele é pra ser usado. Principalmente em pessoas que insistem em estragar o seu dia, sua conversa em uma rede social, ou simplesmente distribuir xingamentos anonimamente. Eu não gosto e nem quero esse tipo de gente na vida real, por que eu iria permitir isso na virtual? Eu dou-lhe o block e pronto. 

Bom, é isso gente. Fácil, rápido e indolor. O post pode parecer meio aleatório, mas o fato é que agir dessa forma me ajuda bastante a não me estressar na internet. Tanto que a primeira coisa que fiz no meu aniversário foi dar ban em uma senhorita que veio enxovalhar comentários desrespeitosos na c-box. Mas no próximo post eu venho com mais amor e menos sarcasmo. Não sou politico, mas prometo!
Beeeeijos!
Comentários | FACEBOOK
17 Comentários | BLOGGER

17 comentários:

  1. Olá!
    Post de utilidade pública! Adorei!
    O que mais tem na internet é gente que precisa ler essas dicas.

    Beijão
    Leitora Cretina

    ResponderExcluir
  2. Oi Aline,
    Realmente são ótimas dicas, pois por qualquer coisinha hoje em dia vira uma rede de discussões a internet. O importante é ser feliz com que gosta e ignorar os outros.
    Bjs e uma ótima noite!
    Diário dos Livros
    Siga o Twitter

    ResponderExcluir
  3. Muito boas essas dicas.
    Quando eu tinha meu outro blog sofria muito com isso, mas depois de um tempo comecei a ignorar e também deixei os comentários apenas para as pessoas que tinham conta, pois esses haters a maioria são anônimos.

    Blog Marcy Moraes

    ResponderExcluir
  4. Bem assim mesmo, falou tudo! Tem muita gente sem noção pela internet, e eu também não perco o meu tempo com esse tipo de gente.

    nayanemartins.com

    ResponderExcluir
  5. Oi Aline, tudo bem?

    Adorei suas dicas e super concordo, antigamente me estressava mais, hoje eu evito a fadiga! rs

    Bjs, Mi

    O que tem na nossa estante

    ResponderExcluir
  6. Postagem maravilhosa amei, obrigado pela visita.
    Blog:https://arrasandonobatomvermelho.blogspot.com.br
    Canal:https://www.youtube.com/watch?v=DmO8csZDARM

    ResponderExcluir
  7. Ah, Aline, eu sofri com isso há umas semanas.
    Eu sou escritora e fiz um projeto de financiamento coletivo para lançar meu novo volume, mas escutei coisas do tipo "levanta a bunda da cadeira e vai trabalhar, preguiçosa", "você acha que vai roubar meu dinheiro?" e "a gente trabalha para o governo dar nosso dinheiro para esse tipo de coisa" (detalhe, financiamento coletivo não tem NADA a ver com governo, hahaha).
    No começo fiquei meio chateada, mas fiz o que você disse: ignorei.
    Paciência, as pessoas ficam corajosas quando estão no anonimato.
    A internet é boa, mas tem um submundo sinistro...

    Beijooos

    www.casosacasoselivros.com

    ResponderExcluir
  8. Gostei demais da postagem. =] Se tem uma coisa que eu não entendo é porque tem gente que perde tanto tempo com aquilo que não gosta. Sério, isso só faz mal a essa pessoa. O melhor mesmo é ignorar aquilo que não faz bem e evitar estresse desnecessário. ^^
    Beijinhos ♥

    Contadora de Histórias

    ResponderExcluir
  9. Alguém cola esse post na minha cara! Adorei, achei digno mesmo.

    http://m-acae.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  10. Adorei o post, ignorar é complicado,as vezes a gente quer responder e tudo mais, mas ignorar é sempre a melhor opção!

    Beijokas
    @dayaneassiis | www.conversandocomalua.com

    ResponderExcluir
  11. Gostei muito das dicas, é pra levar para vida toda!! Eu tenho adotado um ideologia na minha vida "ignorar sempre". Hoje eu nem dou mais importância, até envio uns coraçãozinhos!
    Beijos,
    www.dosedeilusao.com

    ResponderExcluir
  12. Costumo dizer que a internet é uma faca de dois gumes, o que é verdade, já que pode ser a coisa mais preciosa que temos para adquirir conhecimento mas muitas pessoas preferem usar pra disseminar o ódio e coisas ruins -que já temos no mundo não virtual.

    Como você disse, virei fanzassa do BLOCK AHSUIAHSUIHAUISHUIHAUISH Eu fazia parte de um grupo de blogueiras que depois que me mudei de país, começaram a me tratar com indiferença (e normalmente quem faz isso é quem muda, né nom) e sempre me alfinetando na internet. Depois de um final de semana chorando por me sentir sozinha, meu marido simplesmente pegou meu celular, perguntou quem eram as pessoas e deu block. E minhas preocupaçoes acabaram.

    Pra que ficar vendo vídeo de tortura animais se não é o que você realmente veio fazer na internet? Só dar F4 e já era!
    A Bela, não a Fera | Youtube A Bela, não a Fera | Fã Page no Facebook

    ResponderExcluir
  13. Esse post é utilidade pública!!

    kkkkkkkkkk quem nunca se estressou na net né?!

    Beijos
    http://vestibulandaguerreira.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  14. Adorei, estava precisando ler isso. Geralmente obedeço as "regras" não me estresso atoa, não procuro confusão, tento entender que todo mundo não é obrigado a gostar do que eu gosto, ou tem a mesma crença ou vontades... assim fica melhor rs.
    Um beijo, sucesso.

    www.esteticando-se.com

    ResponderExcluir
  15. Oi, Aline!
    Ótimas dicas, e já sigo muitas que você citou. Eu nem me estresso mais!
    Parabéns pela postagem!

    Beijos!
    Eli - Leitura Entre Amigas
    http://www.leituraentreamigas.com.br/

    ResponderExcluir
  16. ahsuahsuahusa Eu simplesmente deixo pra lá certas coisas :)

    http://winterb-irds.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Que bom saber que vai comentar, mas não vamos esquecer de algumas dicas de convivência:
✖ - Não ofenda ninguém, comentários ofensivos ou sem nexo com a postagem são apagados e não retribuídos.
✖ - Esse é um espaço aberto pra você opinar, debater e fazer criticas construtivas, use-o corretamente! Leia a postagem e diga o que achou, o que você pensa sobre o assunto e etc.
✖ - Muitas vezes não há tempo para responder todos os comentários na postagem, mas eles sempre são retribuídos, então deixe o link do seu blog ou rede social que eu irei faze-ló!
✖ - Alguma dúvida? Veja se na faq não tem a sua resposta e comente, responderei o mais rápido possível! ;)

Isso é tudo. Me sigam nas redes sociais Facebook | Twitter | Instagram | Skoob